Luttiane Soares faz balanço da segunda etapa do Cearense de Kart

Após a realização da segunda etapa do Campeonato Cearense de Kart, realizada neste sábado (06), no Kartódromo Marcelino Thomaz, em Morada Nova, Luttiane Soares, piloto e diretor do Clube de Kart Cearense (Cekart), entidade que organiza a competição, já está pensando na próxima etapa do certame, que será realizada no dia 10 de junho, também em Morada Nova.

Com 14 pilotos na categoria Graduados (motores dois tempos) Lutti, como também é conhecido, demonstra otimismo e revela que mais três competidores, dentre eles os pilotos Paulo Holanda e Marcos Henrique, já confirmaram a participação na terceira etapa. Além destes, outros seis pilotos entrarão nas categorias F4 A e F 4 Light (motores quatro tempos).

“Estamos bastante satisfeitos com o crescimento do campeonato, fruto da confiança dos amigos que fizemos ao longo dessa vida de kart, e que estarão sempre conosco, afinal o kart não é o nosso negócio é o nosso lazer, nosso prazer. Para próxima etapa estamos confirmando a participação de mais quatro competidores na categoria F4-Ligth, dois na F4 A, dois na Graduados A e mais um na Graduados B, entre eles estão os campeões Paulinho Holanda, e Marcos Henrique Santé, este último estreando na Graduados”, disse.

Quanto a sua participação na competição, ele espera melhorar seu desempenho e usar o Cearense de Kart também como preparação para a Copa Brasil de Kart, que será disputada no Kartódromo Paladino, na Paraíba, em outubro deste ano.

“Posso encarrar essa minha segunda corrida como mais um passo na preparação para a Copa Brasil. Estava fora das pistas havia quase dois anos e preciso recuperar a forma. Hoje foi uma batalha ter disputado quatro baterias em duas categorias, mas considero um objetivo alcançado. Tenho participado de provas em categorias off road. Longe do Kart, o peso subiu, e agora estou em busca de retomar a forma física buscando a antiga forma para sermos mais competitivos, por isso resolvi participar nas duas categorias F4 e graduados A. Na F4, após uma boa classificação consegui largar em terceiro, tive quebra nas primeiras voltas das duas baterias. Já na Graduados, conseguimos manter um ritmo constante para chegar na quarta colocação, agora vamos continuar em ritmo de preparação, para após o meio do ano chegarmos no peso ideal, para começarmos a pensar em subir no pódio no certame estadual e na Copa Brasil em outubro”, concluiu.

Texto e Fotos: Robério Lessa.

Copyright© 2007-2016 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização