Paraibano Léo Barbosa termina em quarto na F3 Academy

Atual vice-campeão, o paulista Guilherme Samaia venceu a primeira etapa da Fórmula Três Brasil, disputada na manhã deste sábado (18) no Autódromo Internacional de Curitiba, localizado em Pinhais (PR). Na categoria-escola FórmulaTrês Academy, atração do automobilismo brasileiro nesta temporada, a vitória ficou com o paulista Marcel Coletta, que recebeu a bandeirada com a vantagem de apenas 86 milésimos de segundo sobre o brasiliense Enzo Elias, seguido do gaúcho Pedro Goulart e do paraibano Léo Barbosa (Cerâmica Elizabeth).

“Cumpri o meu objetivo de estreia no automobilismo, que era terminar a corrida. E de lucro marquei os meus primeiros pontos terminando em quarto, com um carro bem acertado pela PropCar. Estou muito contente com este resultado inicial, que me dá motivação para progredir gradativamente”, comemorou o jovem (15 anos) de João Pessoa.

Quem não ficou feliz foi o outro piloto da PropCar Racing. Largando da pole-position na Fórmula Três Academy, o nipo-brasileiro Igor Fraga (Tecfil/Annel/Texsa/Digifarma/Exito) abandonou a prova na liderança de sua classe, ainda na primeira volta. “Infelizmente tive problema com o fio da chave geral logo na largada. Depois que completei a volta inicial tudo apagou e tive que encostar o carro. Só me resta largar da última posição na próxima corrida e escalar o pelotão para tentar pelo menos um lugar no pódio”, anima-se o piloto radicado em Ipatinga (MG). O complemento da programação, com a segunda etapa neste sábado, acontecerá partir das 13h30.

A Fórmula Três Academy é categoria-escola CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo), que preenche a lacuna entre o kart e o F-3, proporcionando aos jovens pilotos – a partir dos 15 anos de idade – o desenvolvimento nas pistas brasileiras. A CBA garantirá como premiação ao piloto campeão de 2017 uma temporada na Fórmula Três Brasil em 2018.

A exemplo do que já ocorria com a antiga Fórmula Três Light, os carros da nova F-3 Academy competirão no mesmo grid da F-3 Brasil, mas com pódios e pontuação separados. Serão utilizados os Dallara 301 com motor Berta, equalizados com 220 hp, enquanto a Fórmula Três Brasil fica com 250 hp de potência.

Resultado da primeira etapa da Fórmula Três em Curitiba: 1) Guilherme Samaia, 26 voltas em 31min58s918; 2) Pedro Caland, a 27s305; 3) Murilo Coletta, a 53s663; 4) Leonardo Souza, a 1min14s355; 5) Marcel Coletta (Academy), a 1 volta; 6) Enzo Elias (Academy), a 1 volta; 7) Pedro Goulart (Academy), a 2 voltas; 8) Léo Barbosa (Academy), a 2 voltas; 9) Giuliano Raucci, a 8 voltas; 10) Sérgio Henrique (Academy), a 9 voltas.

Texto: Mastermídia/Divulgação.

Copyright© 2007-2016 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização